blog filosófico, cultural e político
Quarta-feira, 20 de Outubro de 2010
O FABULOSO PRESIDENTE DO SINDICATO DOS MAGISTRADOS JUDICIAIS

O fabuloso presidente do sindicato dos juízes veio a terreiro esgrimir contra o governo por ter retirado o subsídio de renda de casa a magistrados que estejam colocados na comarca da sua residência e a juízes reformados. E fê-lo da maneira mais espantosa: acusou o governo de estar a retaliar os magistrados pelos processos que têm levado a cabo contra membros do governo.

Trata-se de uma acusação espantosa vinda de um juiz. Se lhe fosse dirigida a ele, o dito Sr. juiz, o mínimo que faria seria mover contra quem proferiu essa afirmação um processo crime por difamação.

Quantas vezes já ouvi advogados dizer que não escrevem isto ou aquilo por medo de retaliação dos juízes! E como sabem os advogados que essa retaliação a advogados que desagradam aos juízes é um facto, em muitos casos! E ninguém se queixa porque o sindicato nº 2 dos juízes, que é o Conselho Superior de Magistratura, quando muito procuraria que fosse sancionado o advogado que fez a queixa e não o juiz que retaliou.

Mas o Sr. juiz pode dizer qualquer atoarda, sem ter qualquer prova para tal, porque entende estar acima da lei.

Acha ele que esse subsídio de renda, no caso de juízes que residam na área da comarca onde trabalham ou que estejam reformados, e que se aproxima do dobro do salário mínimo nacional, é justíssimo.

Mas o espírito do Sr. juiz quanto à história da retaliação está no seu pedido imediato: exige que sejam conhecidas as contas dos políticos! Como todos percebemos, é claro que não se trata de retaliação!

Para ele nem se coloca a questão de serem conhecidas as contas dos magistrados. Como é sabido são todos impolutos, porque saídos das ordens dos anjos.

É pena que não coloque essa questão, porque o que todos os portugueses ( não só os politicos, também os magistrados) recebem deve ser controlado por todos, para que se saiba quem é quem.

O Sr. presidente do sindicato dos juízes ainda não percebeu que é por essas e muitas outras que o nível de confiança dos portugueses nos juízes está muito abaixo do nível de confiança dada aos políticos, que todos sabemos qual é.

Como diria o poeta Jorge Lima: este senhor juiz!

Como perguntaria Karl Valentin se pensasse em sindicalistas assim: e não se pode exterminá-los?



publicado por henrique doria às 22:17
link do post | comentar | favorito
|

1 comentário:
De justine a 23 de Outubro de 2010 às 10:50
Todos nós, quase a totalidade da população, tem razões para reclamar: salários diminuidos, regalias retiradas,pensões reduzidas drásticamente, e tudo isto à revelia da Constituição. O problema é que poucos são os que têm possibilidade de serem ouvidos...e a transparência da "coisa público" é nula! Quanto à confiança, Henrique, achas que há ainda alguém que tenha confiança nos nossos dirigentes??Só os totalmente alienados.
Conversa para durar uma longa tarde...


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

12
13
15
16

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
29
30


posts recentes

FRAGMENTO

FRAGMENTO

CORREM EM MIM TRÊS RIOS

EM MEMÓRIA E LOUVOR DE AL...

OLHO PARA MIM

FRAGMENTO

VIESTE AVE DE FOGO

NADA É ETERNO

VEM

O AMOR

arquivos

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Outubro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Abril 2013

Março 2013

Dezembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

blogs SAPO
subscrever feeds