blog filosófico, cultural e político
Sábado, 12 de Novembro de 2011
A DOR DE CABEÇA DE ANTÓNIO JOSÉ SEGURO

                          

 

 

                

 

 ( artigo publicado no GRANDE PORTO, de 11.11.2011)

 

Pretendendo ridicularizar o grande poeta PAUL VALÉRY, um seu leitor perguntou-lhe como é que poderia existir o “ vazio doloroso” a que se referia num dos seus poemas. Ao que Valéry retorquiu com outra pergunta: o senhor nunca teve uma dor de cabeça?

            Vem isto a propósito da “abstenção violenta” anunciada por António José Seguro depois de quinze dias de meditação sobre o sentido de voto do PS em relação ao Orçamento de Estado para 2012. Seguro, no mesmo momento em que qualificava de violenta a abstenção do PS, foi dizendo que o sentido de voto do PS também poderia ser contra, mas também poderia ser a favor do orçamento do governo PSD/DCS.

            Isto é, não ignorando que o orçamento para 2012, acrescido às medidas já tomadas este ano pelo governo de Sócrates e pelo atual governo, representa uma transferência de rendimentos das classes médias e baixas para as classes mais altas, pois é esse o sentido do acordo com a troika ( que, pelo meio, vai sacando cerca de 600 milhões para ela mesma), Seguro admitiu que o seu voto poderia ser a favor do orçamento se a transferência não fosse enorme, como é, mas tão só transferência, mas também poderia ser contra se a transferência fosse colossal, a usar um adjetivo do amigo e colossal Passos Coelho. Ora sendo a enorme transferência de rendimentos das classes média e baixa para a mais alta no valor de cerca de 25% desses rendimentos, ao longo de três anos, Seguro diz-nos que poderia votar a favor do orçamento se essa transferência fosse apenas de 15%, ou, vá lá, de 20%, ou poderia votar contra se essa transferência fosse de 30% ou 35%. Mas como é de 25%, daí lava as suas mãos.

            Voltando então a Paul Valéry, poderemos dizer que esta “abstenção violenta” que Seguro vai adoptar na votação do orçamento para 2012 é de um “vazio doloroso” . Ou, dito por outras palavras, que essa “abstenção violenta” de Seguro e do PS será, para ambos, uma “dor de cabeça”.



publicado por henrique doria às 09:34
link do post | comentar | favorito
|

1 comentário:
De Marta M a 20 de Novembro de 2011 às 19:35
Gosto de vir aqui ler a tua escrita que me ajuda a pensar certos assuntos e personalidades que a cada dia, me parecem mais dúbios - para não usar outra palavra...
Boa semana, espero com menosmás surpresas...
Marta M


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes

FRAGMENTO

FRAGMENTO

POBRE AVÓ QUE ORA

SOMOS APENAS ÁGUA

FRAGMENTO

FRAGMENTO

CORREM EM MIM TRÊS RIOS

EM MEMÓRIA E LOUVOR DE AL...

OLHO PARA MIM

FRAGMENTO

arquivos

Outubro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Outubro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Abril 2013

Março 2013

Dezembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

blogs SAPO
subscrever feeds